15 de dez de 2008

Duas crises, dois desfechos

A grande imprensa brasileira não deu a mínima para um fato interessante que ocorreu nos Estados Unidos na semana passada. Na quinta-feira (11), operários que ocupavam uma fábrica de portas e janelas encerraram o protesto obtendo uma surpreendente vitória. A empresa Republic Windows and Doors fica em Chicago, no estado de Illinois, base política do presidente eleito Barack Obama. A fábrica foi atingida pela crise financeira e irá fechar suas portas e janelas. Mas, antes da falência, o agente financeiro da empresa se comprometeu a pagar aos trabalhadores demitidos oito semanas de salários, dois meses de planos de saúde, além de um inédito 'salário de férias'.

Enquanto isso, na América do Sul, no sudeste do Brasil, no Sul de Minas Gerais, em Santa Rita do Sapucaí, um elefante branco conhecido como Phihong descansa às margens da rodovia BR-459. Uma fábrica de portas e janelas chegou a anunciar a compra do imóvel industrial e de suas máquinas, mas sumiu do mapa deixando dívidas e dúvidas no Vale da Eletrônica. A Phihong encerrou suas atividades sem quitar débitos trabalhistas com 1.100 funcionários. Depois do cancelamento da venda à Esquadriaço (esta é a tal 'compradora'), a fábrica foi a leilão no dia 4 de dezembro. O único lance partiu dos advogados que defendem os operários demitidos. A intenção é revender a Phihong e pagar as verbas rescisórias.

Os dois casos são reflexos de duas crises: uma global, outra local. Os mais prejudicados, em ambos os episódios, são os trabalhadores. Mas ocorreram diferentes desfechos. Em Chicago, houve mobilização de operários - e quem os liderasse.

O caso Phihong pode ser acompanhado pelo site da Gazeta do Vale (http://www.jornalgazetadovale.com.br/). Já a cobertura do caso Republic é feita pelo portal Vermelho (http://www.vermelho.org.br/).

Um comentário:

sandra disse...

Jonas,
seu blog é excelente!
mas tem que colocar tbm fotos do carnaval 2009.
Parabéns ! Continue nos infomando sobre os acontecimentos que se passam em Srsapucai.