4 de mar de 2009

Vitória de Sarney. Derrota de Rezek

O sempre presidente José Sarney (outrora da República, hoje do Senado) obteve mais uma vitória na última madrugada. Na calada da noite, no tapetão, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) cassou o mandato de seu desafeto Jackson Lago, que ocupava o cargo de governador do Maranhão. O advogado que defende Lago é o sempre ministro José Francisco Rezek. Lago e seu vice, Luiz Carlos Porto, foram apeados do Palácio dos Leões por cinco votos a dois.

É a segunda vez em 2009 que Sarney derrota Rezek, ainda que indiretamente. A primeira foi a eleição do senador maranhense à presidência da câmara alta brasileira. O Senado da República era comandado por Garibaldi Alves Filho, que cumpria um mandato-tampão e lutava pela reeleição escudado por um parecer de Rezek. Sarney estimulou a recandidatura de Garibaldi e fingiu apoiá-lo para, em seguida, roubar-lhe a indicação do PMDB. Isso mesmo: Sarney engoliu um correligionário.

Com a cassação, deve voltar ao cargo a atual senadora Roseana Sarney, filha do coronel mais influente do país. A defesa de Lago entrou com recurso no Supremo Tribunal Federal (STF), mas acima de Sarney, no Brasil, só existe Deus. E, nesse caso, não adianta recorrer a Ele.

Um comentário:

Amélia disse...

acima de sarney , deus e a força de vontade do povo do Maranhão amigo jornalista. Se vc tem interesse em conhecer o que ocorre de fato aqui leia o blog:
http://ecosdaslutas.blogspot.com

Daqui do estado que luta contra o dono do mar , dono do senado, dono do lula, agradecemos todo e qualquer espaço que ajude a divulgar nossa necessidade de não permitir que Roseana Sarney assuma!
grata