4 de set de 2009

Antiga Moore Formulários fecha as portas em SRS

[Matéria de Jonas Costa para a Gazeta do Vale]

A empresa RR Donnelley Moore Editora e Gráfica iniciou na semana passada a desativação de sua unidade em Santa Rita do Sapucaí. O anúncio foi feito na tarde de 26 de agosto, no refeitório da indústria. A antiga Moore Formulários empregava 135 profissionais e funcionava no Vale da Eletrônica desde março de 1983.

O impressor Amauri Francisco Roberto é um dos prejudicados pela demissão em massa. Há 13 anos na empresa, ele começou a ouvir boatos sobre o fechamento 20 dias antes da comunicação oficial. “Eu já estava preparado para isso. Havia um comentário na ‘rádio peão’, mas a chefia não confirmava nada, falava que não sabia”, revela.

Carlos César Reis de Azevedo também desempenhava a função de impressor na RR Donnelley. Sua contratação completaria nove anos nesta sexta-feira, 4. A desativação imediata da seção em que trabalhava o deixou chocado. “É uma coisa que mexe com a gente. Eles [diretores] não tinham a necessidade de agir como agiram”.

O advogado Rogério Toledo Rennó, que era prefeito quando a Moore Formulários foi inaugurada, relata que a empresa foi responsável pela maior parte do Imposto Sobre Serviços (ISS) recolhido em Santa Rita no início da década de 1980. “O ISS pago pela Moore dava para pagar toda a despesa da Prefeitura com folha de pagamentos. E ainda sobrava”, conta o ex-prefeito.

Rogério Rennó considera que o fechamento da RR Donnelley se deve à “falta de competência do Executivo Municipal”. O secretário municipal de Ciência, Tecnologia, Indústria e Comércio, Pedro Sérgio Monti, diz que a Prefeitura não recebeu comunicado algum da empresa. Monti afirma que a administração municipal irá buscar novos empreendimentos para evitar que o prédio industrial fique ocioso.

A reportagem procurou, por telefone, a assessoria de comunicação da RR Donnelley, mas não obteve informações sobre as razões da desativação.

Nenhum comentário: