13 de nov de 2009

Com parceiros renomados, Insel prepara novos projetos


[Matéria de Jonas Costa para a Gazeta do Vale]

O Instituto Santarritense de Esporte e Lazer (Insel) firmou importantes parcerias nos últimos meses e pretende expandir suas atividades. A organização não-governamental prepara novos projetos para ampliar o número de pessoas atendidas. O cadastro do Insel é composto por 400 nomes, mas, por falta de espaço, somente 93 atletas de quatro a 18 anos participam dos trabalhos da entidade. Os jovens podem praticar triathlon (esporte que inclui natação, atletismo e ciclismo) ou apenas natação.

Os exercícios na piscina passarão por modificações até o final deste ano. Isso ocorrerá porque o instituto está credenciado desde agosto para aplicar a Metodologia Gustavo Borges (MGB). O método foi sistematizado pelo professor William Urizzi de Lima a partir da experiência do renomado nadador. O Insel é a primeira ONG a receber o credenciamento, antes restrito a academias, clubes e colégios.

Segundo a presidente do instituto, Tatiane Bono Costa Pina, o manual do MGB descreve detalhes que podem ser decisivos no desempenho dos nadadores. A parceria com Gustavo Borges prevê material pedagógico, boletins mensais com dicas aos credenciados, calendário de objetivos semanais, cursos de capacitação para professores e visitas periódicas da assessora Mariella Bosquirolli. “Esse método muda a postura do aluno, que não irá só fazer aulas de natação. Ele vai ter objetivos”, salienta Pina.

Outra parceria beneficiará a equipe de triathlon do Insel, que terá San Palma como assessor técnico. Palma é treinador de Carla Moreno (heptacampeã do Troféu Brasil de Triathlon) e planeja treinar atletas santa-ritenses para os Jogos Olímpicos de 2016, a serem realizados no Rio de Janeiro. O técnico procurou a diretoria do instituto no final de outubro, após acompanhar o desempenho da equipe de Santa Rita do Sapucaí nas oito etapas do Campeonato Paulista de Aquathlon. Uma das triatletas do Insel, Aline Tenório de Faria, ficou em primeiro lugar na classificação geral da competição.

Projetos – As atividades do Insel devem ser transferidas para um novo local ainda neste ano. A ONG decidiu alugar o prédio em que funcionaram as academias Aquanauta e Life, no bairro Pôr-do-Sol. O espaço está sendo reformado. Será reaberta uma piscina aquecida de 12,5m de comprimento por 6m de largura, com capacidade para receber 493 pessoas por semana. Hoje os treinos oferecidos pela entidade são realizados nos campi da Escola Técnica de Eletrônica (ETE) e do Instituto Nacional de Telecomunicações (Inatel).

Além das duas instituições de ensino, apenas cinco empresas santa-ritenses patrocinam o Insel. Por isso, a ONG lança neste mês o projeto ‘Adote um Aluno’, que incentiva o apadrinhamento de atletas por pessoas físicas. Cada padrinho ficará responsável pelo pagamento das mensalidades de um jovem de baixa renda. As taxas sugeridas são de R$ 20 e R$ 40, variando de acordo com a renda familiar, mas cada atleta contribui com a quantia que pode. As contribuições são empregadas na manutenção do Insel.

Os demais projetos da ONG estão relacionados no site www.insel.org.br.

Foto: divulgação

Nenhum comentário: